header-spain-2

Espanha

5 motivos para escolher essa viagem

  • A capital Madri e seus museus imperdíveis, os melhores do país.
  • O charme mediterrâneo, a arte e a arquitetura peculiar de Barcelona.
  • A região da Andaluzia, onde cidades como Córdoba, Granada e Sevilha preservam construções de influência árabe – o complexo arquitetônico Alhambra, em Granada, é uma maravilha.
  • Santiago de Compostela, uma das cidades mais importantes do cristianismo – e seus prazeres mundanos: ela fica na principal região produtora de frutos do mar da Espanha, e seus restaurantes servem os pescados fresquinhos.
  • A cozinha de vanguarda de San Sebastián. O destino tem dois restaurantes com três estrelas no guia Michelin 2015 (Arzak e Akelare), além de incontáveis bares de pintxos (a tapa em estilo basco) que servem alta gastronomia em versões reduzidas.
Flamenco | ©iStock/nikitabuida

Check-list antes de fazer as malas

  • Documento Passaporte com validade mínima de 3 meses após a data da passagem de volta e documentos que comprovem os motivos e a duração da viagem (reservas de hotel, bilhete de volta etc.), comprovante de meios financeiros e seguro-viagem com cobertura mínima de € 30 mil para saúde.
  • Dinheiro Euro.
  • FUSO HORÁRIO Quatro horas a mais em relação ao horário de Brasília. Essa diferença pode variar nos períodos de horário de verão.
  • Idioma Espanhol e catalão.
  • Carro Carteira brasileira de habilitação (CNH) válida e passaporte.

Só tem aqui

As tapas. Elas surgiram como petiscos singelos, servidos sobre taças de vinho. Mas, com o tempo, ficaram cada vez mais elaboradas – e viraram um dos mais importantes ícones da Espanha.

Programe-se

No norte da Espanha predomina o clima temperado oceânico, úmido e com temperaturas mais amenas, que variam entre 3°C e 12°C no inverno e entre 10°C e 25°C no verão. No sul e no leste, o clima mediterrâneo também apresenta invernos mais tranquilos, mas os verões são abafados – a temperatura pode chegar a 40°C na região da Andaluzia. Na maior parte da Espanha, no entanto, o clima é continental. Nessa enorme área, onde está Madri, prepare-se para enfrentar muito calor no verão, quando os termômetros passam facilmente dos 30°C, e muito frio no inverno, que costuma ter geadas e temperaturas próximas de 0°C. Para um roteiro que contemple diversas regiões do país, é melhor apostar no outono, com dias de sol e céu azul. Quer festa? A das Fallas, em março, é o Carnaval de Valência, cheio de carros alegóricos e bonecões. Sevilha lota durante as comemorações da Feria de Abril, com seis dias de música e dança flamencas, comida típica e até desfile de carruagens. Junho é o mês do Sónar, em Barcelona, um dos festivais de música e arte mais importantes da Europa. Em agosto, Valência vira palco da Tomatina, a famosa festa da guerra de tomates. Em San Sebastián, os festivais internacionais de jazz, em julho, e de cinema, em setembro, lotam os hotéis. Quem curte futebol e deseja ver uma partida nos estádios do Barcelona ou do Real Madrid já deve embarcar com os ingressos na mão – não é fácil conseguir entradas em cima da hora para ver dois dos principais clubes do mundo em ação.

Saiba mais

O passado e o futuro, na Espanha, ficam muito próximos. Mais precisamente, a 2h30 de viagem, se você quiser pegar o moderno trem-bala e pular da vibrante Madri, com superavenidas e noite movimentada, para a região da Andaluzia, ao sul, terra das touradas, das dançarinas de flamenco e de outras tantas tradições. O trem também leva da capital a Barcelona, na Catalunha, lugar para ver de pertinho a arquitetura de Gaudí e a arte de Picasso e Miró. No extremo norte, a cultura e o idioma próprios do País Basco podem ser conhecidos em cidades como Bilbao, sede do fantástico Museu Guggenheim e San Sebastián, meca gastronômica e palco de festivais de música e cinema. Ali pertinho, em Roncesvalles, quase na divisa com a França, começa a rota de peregrinos mais famosa do mundo. Ela leva a Santiago de Compostela, já na região da Galícia, cidade famosa tanto pela belíssima catedral do século 12 como pelos frutos do mar frescos servidos em seus restaurantes. Seja onde for, uma coisa é certa: o dia, na Espanha, termina sempre em um bar.

  • Vinhedo Marqués de Riscal, projetado por Frank Gehry | ©iStock/herraez

    Vinhedo Marqués de Riscal, projetado por Frank Gehry | ©iStock/herraez

  • Caminho de Santiago de Compostela | ©iStock/vlad_karavaev

    Caminho de Santiago de Compostela | ©iStock/vlad_karavaev

  • La Pedrera | ©Agència Catalana de Turisme/Imagen M.A.S.

    La Pedrera | ©Agència Catalana de Turisme/Imagen M.A.S.

  • Parque do Retiro, em Madri | ©Shutterstock/Kiev.Victor

    Parque do Retiro, em Madri | ©Shutterstock/Kiev.Victor

  • Park Güell | ©Agència Catalana de Turisme/J. Trullas

    Park Güell | ©Agència Catalana de Turisme/J. Trullas

  • Alhambra, na região de Andaluzia | ©Shutterstock/Natalia Bratslavsky

    Alhambra, na região de Andaluzia | ©Shutterstock/Natalia Bratslavsky

  • Paella | ©Shutterstock/asife

    Paella | ©Shutterstock/asife

  • Catedral de Santiago de Compostela, na região da Galícia | ©Shutterstock/Luis Cagiao

    Catedral de Santiago de Compostela, na região da Galícia | ©Shutterstock/Luis Cagiao

  • Barcelona, a partir do Parque Güell | ©Shutterstock/S-F

    Barcelona, a partir do Parque Güell | ©Shutterstock/S-F

  • Granada | ©Shutterstock/Shchipkova Elena

    Granada | ©Shutterstock/Shchipkova Elena

  • Jamón e outros embutidos | ©Shutterstock/Iakov Filimonov

    Jamón e outros embutidos | ©Shutterstock/Iakov Filimonov

  • Ávila | ©Shutterstock/Luis Martin

    Ávila | ©Shutterstock/Luis Martin

  • Plaza Mayor, em Madri | ©Shutterstock/Rafael Ramirez Lee

    Plaza Mayor, em Madri | ©Shutterstock/Rafael Ramirez Lee

  • El Escorial, em Toledo | ©Shutterstock/Sean Pavone

    El Escorial, em Toledo | ©Shutterstock/Sean Pavone

Confira as ofertas incríveis da To Go