Parreiras em Mendoza

Mendoza

5 motivos para escolher essa viagem

  • O mergulho no fascinante mundo do vinho: Mendoza é uma das 5 maiores regiões produtoras da bebida no mundo.
  • A paisagem única e encantadora, que reúne parreirais sem fim emoldurados pela imponente Cordilheira dos Andes.
  • O excelente Parque General San Martín, com caminhos arborizados, gramados, lagos, praças, dois museus e até estádio de futebol.
  • O charme do centro: seus maiores símbolos são a enorme Plaza Independência e o Paseo Peatonal Sarmiento, calçadão cheio de lojas, bares e restaurantes.
  • A Escapada pela Ruta 7, que liga Mendoza ao Chile. A estrada dá acesso a atrações como o Parque Provincial Aconcágua, onde fica a montanha mais alta das Américas, e a Puente del Inca, curiosa formação rochosa junto às ruínas de um antigo hotel termal.
Parque Provincial Aconcágua | ©Shutterstock/rocharibeiro

Check-list antes de fazer as malas

  • Documento Passaporte ou RG.
  • Dinheiro Peso argentino.
  • FUSO HORÁRIO O mesmo de Brasília, mas não adota o horário de verão (outubro a fevereiro).
  • Idioma Espanhol.
  • Carro Para dirigir na Argentina, é só apresentar a carteira de habilitação brasileira (CNH) válida. O veículo deve estar em nome do condutor ou de um dos passageiros – se não for o caso, é preciso ter uma autorização do proprietário, com firma reconhecida em cartório, legalizada pelo Ministério das Relações Exteriores brasileiro.

Só tem aqui

Mendoza tem quase mil vinícolas, e cerca de 200 delas são abertas para visitas. Passear pelos parreirais e pelos processos de produção, conversar com enólogos, participar de degustações e fazer compras são ótimos programas – ainda mais quando as vinícolas anfitriãs representam marcas muito familiares aos brasileiros, como Trapiche, Trivento, Norton, Catena Zapata, Terrazas de los Andes e Nieto Senetiner.

Programe-se

Quase não chove em Mendoza, que tem clima árido e estações definidas. O verão é bem quente, com médias perto de 25°C – as temperaturas máximas podem chegar aos 40°C! Com o outono chega o friozinho da noite, e a paisagem ganha lindos tons dourados. Entre julho e setembro, meses de inverno, os termômetros costumam atingir 0°C, e os vinhedos podem ficar branquinhos com a neve. E, na primavera, quando já começa a esquentar de novo, um ventinho gostoso deixa o clima agradável, com temperaturas próximas dos 20°C. Em janeiro, o estádio Malvinas Argentinas, no Parque General San Martín, costuma receber amistosos de pré-temporada de grandes clubes do país. Um mês depois, entre o final de fevereiro e o começo de março, acontece a concorrida Fiesta Nacional de la Vendimia, que celebra a colheita da uva com desfiles, degustações e apresentações musicais. De fevereiro a abril, os turistas podem colher as uvas nos parreirais.

Saiba mais

As uvas malbec desembarcaram em Mendoza na metade do século 19. As mudas chegaram na bagagem do agrônomo francês Michel Aimé Pouget, que criou na cidade a primeira escola de agricultura do país. Mas nem Pouget nem o mais otimista dos argentinos poderia imaginar o que viria depois: uma verdadeira revolução, com a perfeita adaptação da uva ao solo e ao clima da região. E Mendoza tornou-se um dos principais pólos produtores de vinho no mundo. A uva e o vinho malbec são os principais símbolos do lugar, e muitas de suas atrações estão relacionadas a esse universo. As visitas aos parreirais, as degustações, as cavalgadas e os passeio de bicicleta entre os vinhedos são programas memoráveis. Garrafas especiais, produzidas por bodegas badaladas, acompanham tanto as parrilladas (o churrasco argentino) como os pratos criados pelo superchef Francis Mallmann nos restaurantes Siete Fuegos ou 1884, outras delícias imperdíveis de Mendoza. No centro, o Paseo Peatonal Sarmiento é o ponto de encontro, perfeito para uma agradável caminhada, uma cerveja, um tradicionalíssimo café com medialunas. Ou, claro, uma taça de vinho malbec.

Veja mais dicas da América do Sul em To Go Blogs.

  • Represa Potrerillos

    Represa Potrerillos | ©iStock/kovgabor79

  • Uvas em vinhedo

    Uvas em vinhedo | ©iStock/Edsel Querini

  • Lago Horcones no Parque Provincial Aconcágua

    Lago Horcones no Parque Provincial Aconcágua | ©iStock/Varsescu

  • Fonte da Plaza Independencia

    Fonte da Plaza Independência | ©Shutterstock/Anibal Trejo

  • Bicicletas em vinhedo

    Bicicletas em vinhedo | ©iStock/Edsel Querini

  • Puente del Inca | ©iStock/ElenaMirage

  • Parque Provincial Aconcágua | ©iStock/Martin Isaac

  • Trecho da Ruta 7

    Ruta 7 | ©Shutterstock/Anibal Trejo

  • Parreirais em vinícola em Mendoza

    Parreirais em vinícola | ©Shutterstock/javarman

Confira as ofertas incríveis da To Go